Sustentabilidade

Medir e analisar a sustentabilidade

 O termo sustentabilidade surgiu na Comissão Mundial sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento, criada pela ONU, visando discutir formar de harmonizar o desenvolvimento econômico e a conservação ambiental. Nos últimos anos as práticas de responsabilidade social corporativa têm se tornado parte da estratégia de inúmeras empresas, conscientes sobretudo do retorno econômico de ações focadas em sustentabilidade. 

Pessoas, assim com empresas, desempenham um papel fundamental no processo de mudanças climáticas e na edificação de medidas sustentáveis, pois esse termo não está relacionado apenas com o meio ambiente e as mudanças climáticas, mas também em aspectos como a economia e a sociedade. 

Esses três aspectos, podemos chamar de pilares básicos da sustentabilidade:

  • A sustentabilidade ambiental que se concentra na preservação da biodiversidade como, cuidar da água, economizar energia, refrear resíduos, reutilizar embalagens, limitar a missão de plásticos, transportes mais sustentáveis e cuidar da fauna e da flora;
  • A sustentabilidade econômica é a habilidade da organização em gerenciar os recursos, gerar lucratividade de forma responsável o longo de toda a cadeia;
  • Conectada às três formas de sustentabilidade, a sustentabilidade social tem o papel de fortalecer a coesão e a estabilidade de grupos sociais, criam condições de acesso favoráveis aqueles que mais precisam. 

Por que investir em sustentabilidade? 

Considerada cada vez uma “prioridade máxima” por empresas e autoridades, àqueles que se posicionam para proteger o meio ambiente, simultaneamente, em que agem para manter o crescimento econômico e garantir o progresso social, colherão os benefícios e chegarão ao topo de seus mercados.

Podemos elencar alguns dos fatores que levam as empresas a investir em sustentabilidade:

  1. Criar  oportunidades de negócios por meio de novos modelos de negócios, designs de produtos, etc.

2.    O custo de capital vem diminuindo para empresas mais sustentáveis, mas aumentando para outras. Os negócios sustentáveis representam menos riscos para os investidores, portanto, exigem um retorno menor.

3.    Investidores, bem como outras partes interessadas — como funcionários e clientes — estão pedindo às empresas que estabeleçam metas de sustentabilidade mais ambiciosas e esperem transparência por meio de relatórios de sustentabilidade de alta qualidade.

Para estar consoante a sustentabilidade, as organizações precisam capturar, analisar e calcular diferentes dados e comunicá-los regularmente às autoridades legais. Para isso, insights sobre processos e eficiência de custos são essenciais. A comunicação interna com seus colaboradores também é um fator crucial na hora de incorporar a sustentabilidade em sua organização.


Acesse nosso e-book sobre ESG e o Agronegócio

Gestão de Sustentabilidade SAP

Cada organização é única, portanto, precisará de uma estratégia e abordagem de sustentabilidade personalizadas. 

Não existe um método único que garanta o sucesso e cada organização tem um nível de maturidade diferente em termos de sustentabilidade. É por isso que a SAP criou uma variedade de ferramentas como parte do SAP Sustainability Management.

As ferramentas estarão disponíveis em breve.

SAP Sustainability Control Tower

O SAP Sustainability Control Tower é um sistema em cloud que permite às empresas definir metas e monitorar seu progresso em ações climáticas, economia circular e responsabilidade social. O objetivo é integrar dados de sustentabilidade com processos de negócios em todas as cadeias de valor. Os principais benefícios do SAP Sustainability Control Tower incluem:

  • Uma compreensão holística e gestão de desempenho em indicadores sociais, ambientais e financeiros;
  • Relatórios ESG eficientes e auditáveis;
  • Insights acionáveis que ajudarão os tomadores de decisão a tomar medidas para unidades de negócios, departamentos e locais.


SAP Product Footprint Management

O SAP Product Footprint Management faz parte de um novo portfólio de aplicativos de negócios específicos para sustentabilidade que fornecem transparência e capacidade de medição em toda a cadeia de suprimentos. A solução permite que as empresas calculem a pegada de carbono de seus produtos, integrando dados de todo o processo de produção.

Um benefício considerável é a possibilidade de identificar proativamente o impacto do carbono no início do ciclo de vida do produto, em vez de fazê-lo depois que o produto já foi produzido. A integração com os sistemas SAP S/4HANA e os processos end-to-end relevantes são possíveis com o SAP Product Footprint Management.

Seja sustentável com a delaware Brasil

É cada vez mais imprescindível que as empresas tenham consciência de que são parte integrante do mundo. 

O reconhecimento de que os recursos naturais são finitos e de que dependemos destes para a sobrevivência humana, para a conservação da diversidade biológica e para o próprio crescimento econômico é fundamental para o desenvolvimento sustentável.

Com este propósito e para ajudar as pessoas a progredirem, superar os desafios da quarta revolução industrial e crescer inclusivamente e sustentável, a delaware Brasil está comprometida com três conceitos-chave para promover a empregabilidade: aprendizagem contínua, reciclagem profissional e formação complementar.


Kátia Cerqueira